Pacotefácil

SEU GUIA FÁCIL DE VIAGEM

Amazonas: manual de sobrevivência na selva

Floresta Amazônica, sobrevivência na selva

Por Ana Golfetto Masella

Introdução - Aprenda a sobreviver na selva

"A sobrevivência não é uma opção de vida, mas uma condição de vida e necessidade universal."

Situações de emergência podem surpreender a qualquer pessoa, em qualquer lugar. Por isso, se faz necessário adquirir um conhecimento prévio (para casos fora do normal), principalmente, quando se trata de viajar para um lugar incomum.

As regras de sobrevivência na selva fornecem provisão suficiente para sobreviver num ambiente hostil, com preparo para casos graves e de extrema urgência.

Tais conhecimentos aumentam a segurança psicológica, evitando atitudes de desespero num momento de estresse emocional. Ao substituir o impulso inicial de se desesperar, a mente se equilibra para agir com tranquilidade e tomar as providências imediatas necessárias.

Parta do princípio de que a natureza nunca irá se adaptar à você, mas você precisará se adaptar à ela.

Suponha que esteja perdido na Floresta Amazônica, numa situação de perigo. Você precisará utilizar o que aprendeu no seu curso de sobrevivência na selva. Perceba que está em vantagem, afinal, você nunca imaginou precisar dele um dia.

Os oito passos indicados a seguir serão fundamentais para sobreviver no ambiente hostil da floresta:

Passo 1

A primeira regra (e talvez a mais importante) é: não entre em pânico! Ter o domínio da mente será muito valioso em situações que exijam cuidado e autocontrole.

Passo 2

Mantenha o corpo hidratado. Mas aonde obter água na selva? Fique sempre próximo ao leito de um rio; se chover, utilize uma folha como funil para conduzir água até a boca; as folhas da bromélia estocam água que pode ser ingerida; extraia água do cipó fazendo um corte e apertando-o no local onde pretende beber; o bambu também fornece água, mas só beba se estiver limpo.

Passo 3

Mantenha o corpo alimentado. Observe o que comem os animais da floresta. Procure comer o mesmo para não ter problemas.

Passo 4

Faça uma fogueira. Além de aquecer o corpo e ajudar no preparo da comida, o fogo espanta os animais. No terceiro manual de sobrevivência na selva, você aprenderá como acender uma fogueira sem fósforos ou isqueiro.

Passo 5

Evite impurezas de plantas e animais. A melhor forma para prevenir essas impurezas é cozinhando as plantas e animais que servirão como alimento. Não coloque absolutamente nada na boca sem passar pela chama do fogo.

Passo 6

Esteja ciente sobre outras funções do sangue. O sal é a única substância não presente no meio ambiente, mas que você encontrará no sangue de animais. Se quiser dar sabor aos alimentos, utilize sal durante o seu cozimento.

Passo 7

Jamais ande à noite. Alguns predadores possuem hábitos noturnos, o que aumenta a sua chance de ser atacado.

Passo 8

Memorize duas siglas importantes.

ESAON, que significa:

Estacione

Sente-se

Alimente-se

Oriente-se

Navegue

CAL, que são as características de plantas proibidas para consumo:

Cabeludas

Amargas

Leitosas

No próximo manual de sobrevivência na selva, você aprenderá a se orientar a fim de definir uma rota correta na mata.

Acesse agora e aprenda: Manual de Orientação na Selva

Botão top